Postagens populares

segunda-feira, 16 de setembro de 2013



Perder, dói! Não adianta dizer NÃO SOFRA, NÃO CHORE; só não podemos ficar parados no tempo chorando nossa dor diante das nossas perdas.
Lya Luft

8 comentários:

Malu Silva disse...

Bem lembrado... Vou varrer as folhas secas que andam pelos meus quintais...
Um abraço!!!

leninha brandao disse...

Malu,

Nos quintais da vida também tenho algumas folhas que preciso varrer...
Sempre as há,não é mesmo?
Bjssssss

Evanir disse...

Tenho andado ausente infelizmente
mais de alguma forma lutando.
Eu sei , que no mundo teremos grandes aflições
com fé e muita garra vou seguindo com grande luta
minha viagem.
Deus abençoe seu Domingo
e da sua família.
Beijos no coração , Evanir.

Sissym Mascarenhas disse...

Eu penso que devemos chorar todas as lágrimas, porque assim lavamos a alma.

Bjs

leninha brandao disse...

Concordo com você, Syssim...temos que chorar todas as lágrimas e depois varrer toda a mágoa que teimar em nos afligir.
Bjssssssss, minha querida.

Toninho disse...

Realmente Leninha não adianta jogar estas palavras no coração que esta em chamas,
Deixar que a dor faça sua parte e renascer nestas cinzas.
Saudades de voce.
Hora de reatar a sintonia que sempre tivemos.
Meu carinhoso abraço mineiro de flor.
Bjo no coração amiga.

Toninho disse...

Mas eu nao quero perder esta sintonia que tivemos em 2013 e renovo minha alegria de estar juntos em 2014.
Carinhoso abraço Leninha e um Feliz Natal de muita paz e alegria e que o Novo Ano seja de alegrias.
Beijo no coração Leninha.

manuela barroso disse...

Minha querida e doce Leninha

Aqui, deste teu sótão, sinto a calmaria das tuas manhãs regadas de teus sorrisos.
E estas folhas secas, aqui, depressa tomam o viço do brilho da primavera!
Gosto dos teus pensamentos sábios, da escolha tão acertada destes ensinamentos que ficam, viajam pela nossa mente mesmo quando daqui saímos.
Conforme colocas no facebook, aproveita a viagem e faz o mesmo jardim neste teu espaço: serão as tuas leis que passarão a ser nossas também.
Beijo carinhoso, querida