Postagens populares

domingo, 23 de dezembro de 2012

Os vestidinhos de mamãe

Amigos queridos,

Publiquei este texto no Natal do ano passado, mas a saudade daqueles tempos dos vestidinhos, me faz publicá-lo novamente...

Dia gris

Hoje está um dia cinzento,chuvoso,mas não está um dia triste.Há circunstancias na vida que requerem sensibilidade de nossa parte,principalmente nesta  época  que precede o Natal...as pessoas ficam com as emoções à flor da pele e temos que ter muito cuidado para não magoá-las.Qual foi a última vez que você deu algo para alguém,sendo que este"algo"era uma coisa da qual você gostava muito?
Nesta epoca do ano eu me lembro muito de minha mãe...não tínhamos muito mas ela sempre,em todos os Natais de nossas vidas,fazia vestidinhos para criancinhas carentes da idade de uma de nós[éramos duas irmas ]
.Quando o vestidinho ficava pronto,uma de nós o experimentava,só que,quando crescemos e a unica crianca que havia em casa era nosso irmão,ele passou a experimentar e depois,mais tarde,também meus filhos tiveram que se submeter a esta"prova", o que,para eles se constituia em uma verdadeira provação...mas valia a pena,pois,para ela aquele era o verdadeiro "espirito de Natal".Bons tempos aqueles...

8 comentários:

Ivani disse...

que delicia de texto Leninha querida, adorei mesmo!
Que mico para a molecada em?
mas aposto (e ganho!) que hoje isso é motivo de muitas risadas gostosas e comentários cheios de saudade.
A vida é mesmo assim, deliciosa quando temos historias para lembrar e sorrir.
Um grande beijo amiga.

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Texto que traduz doação, carinho, verdadeiro espírito de Natal, no seio de uma família bem constituída, amorosa.

Feliz Natal, querida amiga Leninha.
Beijos,
da Lúcia

✿ chica disse...

Um texto doce e lindo.Belas recordações!!beijos,FELIZ NATAL! chica

Helena Chiarello disse...

Tudo por uma boa causa! rss
Fiquei sorrindo aqui, imaginando os meninos passando por essa "provação"... rsrs
Tuas recordações são sempre gostosas demais, Leninhamada!
Um beijo no coração e um Natal maravilhoso a você e aos seus!

manuela barroso disse...

E lembro-me tão bem deste teu post Leninha. Sei que me tocou fundo na alma e pensei como é que tua mãe ainda tinha tempo para pensar nos carinhos para os outros Esta fome de dar amor é de uma grandeza enorme!
Por isso há tanta paz nesse teu reino!
Muitos beijinhos minha querida.
Que o Natal tenha sido como querias.
Até breve.

Malu Silva disse...

Amiga, que este ANO que se iniciou seja repleto de coisas boas. MUITA ALEGRIA, PAZ e SAÚDE.
Meu grande abraço para si.

Imac by Artes disse...

Lindo demais amiga!
Tem coisas da infância que nunca esquecemos...e é doce recordar!

Querida amiga, já estamos em 2013desejo que todos os dias deste ano sejam abençoados...repletos de paz, amor, saúde e felicidade pra ti e os seus. Abraços!

manuela barroso disse...

Ah minha querida que bom abrir a porta e ver que estavas lá.
Joguei uma mão cheia de flores e deixei-as para perfumarem a tua tarde.
E vou sorrindo com o teu esvoaçar mais maravilhoso que nunca!
Terno, terno abraço minha doce Leninha