Postagens populares

quinta-feira, 14 de julho de 2011

LEO BUSCAGLIA

Felice Leonardo Buscaglia (31 de março de 1924 - 12 de junho de 1998).
Foi professor e escritor ítalo-americano, que ministrou aulas na University of Southern California - EUA, tendo sido autor de artigos para o New York Times sobre assuntos relacionados ao amor e sobre o humano. E também foi idealizador de um curso sobre Amor na própria universidade. "Ao que eu saiba, somos a única escola do país, e talvez no mundo, que tem uma disciplina chamada "Amor, 1 A", e eu o único professor bastante louco a ponto de ensiná-la"''
Leo Buscaglia foi um dos maiores escritores acerca do Amor dos últimos tempos. Seus livros mudaram a maneira como muitas pessoas viam o Amor, sempre exaltando as idéias de se viver o momento, expressar o amor que se sente por alguém e não criar expectativas. Seu primeiro livro, "Amor", foi publicado em 1972. Seguiu-se, depois de Leo Buscaglia, a onda da "Auto-Ajuda", com diversos autores em vários países, todos copiando e imitando o estilo de Leo, o precursor de tudo isso. Criou, antes de morrer, a ONG Felice, dedicada à ajuda aos carentes em todo o mundo. Por uma estranha coincidência do Destino, faleceu aos 74 anos no dia 12 de junho de 1998 (dia dos Namorados no Brasil); de ataque cardíaco enquanto dormia em sua casa no lago Tahoe, California. Esteve uma vez no Brasil, em 1995, onde deu uma série de palestras.

OS RISCOS TÊM DE SER CORRIDOS, POIS O MAIOR RISCO NA VIDA É NÃO ARRISCAR NADA. A PESSOA QUE NÃO ARRISCA NADA. NÃO FAZ NADA, NÃO TEM NADA, NÃO É NADA E NÃO SE TORNA COISA ALGUMA. PODE EVITAR O SOFRIMENTO E A TRISTEZA, MAS NÃO PODE APRENDER, SENTIR, MODIFICAR-SE, CRESCER, AMAR E VIVER. ACORRENTADO POR SUAS CERTEZAS, É UM ESCRAVO. FOI PRIVADO DO DIREITO DE SUA LIBERDADE. SOMENTE A PESSOA QUE ARRISCA É VERDADEIRAMENTE LIVRE.
LEO BUSCAGLIA, Vivendo, Amando e Aprendendo


Este é um dos livros que estou sempre relendo,levo quando viajo,enfim não me separo dele.

Um comentário:

Su disse...

Leninha minha amiga querida... saudadessssssss
passando pra deixar uma beijoka bem grandona e um abraço bem apertado... ainda em férias por aqui, fomos para a praia, São Xiquinho não deu certo, depois te conto... umas tristezas por lá, mas agora já estão bem...

beijosssssss no coração minha amiga linda!
Su.